Semana Mundial do Aleitamento Materno!

DSC00516

 

Estamos na Semana Mundial do Aleitamento Materno, por isso o Blog Mamãe Toda Hora convidou a mãe e fonoaudióloga Andrea dos Santos Boeira para falar sobre a amamentação e disponibilizar o que acontecerá em nossa cidade (Bento Gonçalves – RS) no decorrer da semana! Também passei por algumas dificuldades na amamentação do Léo, porém não desisti!

Boa leitura!

***********************************************************************************************************************************************

Olá Mamães Toda Hora, espero que estejam todas bem. Gostaria de compartilhar com vocês um pouco da minha experiência em relação à amamentação, do ponto de vista profissional e, principalmente, do ponto de vista materno.

Amamentei meus dois filhos (Pedro e Isadora), por mais de seis meses, e durante estes períodos passei por muitas dúvidas, tais como: “Estou fazendo certo?”, “Será que terei leite suficiente?”, “O meu leite é bom?” “Ele(a) não vai passar fome?” “Só o leite basta para alimentar o bebê?”…

Tive fissuras e muita dor durante as mamadas, mesmo conhecendo (e ensinando a outras mães) a teoria da pega, por exemplo. Achei que tiraria tudo de letra com a Isadora, pois já tinha a “experiência” da amamentação do Pedro… Engano meu! Todos os receios voltaram (sem falar em alguns acréscimos), pois foi tudo diferente. Não sei explicar o porquê, o fato de agora ser uma menina ou talvez agora eu estivesse mais fragilizada devida as circunstâncias, a minha filha parou de se desenvolver e então tivemos que adiantar o parto em alguns dias… Some-se a isso a depressão pós-parto que tive.

Foram situações bem complicadas para se gerenciar. Assim, realço que a teoria é muito diferente da prática, pois em muitas situações “os manuais” podem explicar e ensinar, mas quando você a está vivenciando a tal situação, ela se torna bem mais complexa. Por isso enfatizo que existem profissionais dispostos a auxiliar e esclarecer as diversas dúvidas que uma mãe possa ter durante este período tão importante para mamães e seus bebês.

Na primeira semana de agosto são realizadas mundialmente campanhas de incentivo ao aleitamento materno. Essas ações são promovidas por profissionais de diversas áreas da saúde (como enfermagem, pediatria, fonoaudiologia, odontopediatria, nutrição, psicologia, etc) que apoiam o aleitamento materno exclusivo nos primeiros seis meses de vida do bebê, pois este alimento oferece todos os nutrientes necessários para o crescimento e desenvolvimento saudável do bebê.

Vocês sabiam que além da amamentação fortalecer a imunidade do bebê, prevenindo doenças ela também está preparando a musculatura oral destes para os sons da fala?

Como podemos ver a fonoaudiologia já poderá auxiliar as mamães desde o nascimento do bebê, seja orientando uma pega correta, avaliando a sucção, a deglutição, a mastigação e os músculos orais (tônus e movimentos), além dos já conhecidos teste da orelhinha e da linguinha realizados na própria maternidade (em recém-nascidos). Também se pode avaliar o desenvolvimento neuropsicomotor do bebê para só então atuar na aquisição e desenvolvimento da fala e linguagem (normalmente a parte mais conhecida do trabalho da fonoaudiologia).

A fonoaudiologia também participará da campanha de incentivo ao aleitamento materno, apoiando, defendendo, orientando e empoderando as mães para exercerem este ato, que é tão importante para fortalecer o vínculo entre mãe e bebê: “garantindo um presente saudável para um futuro sustentável”, como preconiza o lema da campanha deste ano. Aqui em nossa cidade ( Bento Gonçalves – Rs) teremos eventos alusivos a semana do aleitamento materno conforme abaixo. Participem, divulguem e convidem suas amigas!!! Vamos disseminar a importância da amamentação para os meses iniciais do bebê.

aleitamentoaleitamento2

Um grande abraço a todas vocês.

***********************************************************************************************************************************************

DeiaAndrea dos Santos Boeira é mãe do Pedro Henrique e da Isadora, tem formação em fonoaudiologia pelo IPA-IMEC, com especialidade em disfagia. Atua na Secretaria da Saúde de Bento Gonçalves desde 2004 e em consultório particular.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>