Quando NÃO praticar atividade física na gravidez!

facebook_1473796489515

 

Olá Mamães Toda Hora!

Sabemos da importância e dos benefícios da prática de atividade física, porém na gestação todas nós ficamos preocupadas e com um certo receio de poder prejudicar de alguma forma nosso bebê. Por isso, sempre devemos buscar orientação do nosso obstetra, bem como procurar profissionais competentes para isso.

Desta forma, nossa parceira, mãe e educadora física Paula Paixão, traz para nós algumas orientações de quando não podemos praticar atividade física na gravidez.

Boa leitura.

Beijos

****************************************************************

A gravidez traz uma série imensa de mudanças psicológicas, hormonais e físicas na mulher. O cansaço aparece muito mais rápido, além do nosso centro gravitacional ser alterado. Com a prática da atividade física, moderadamente, a gestante consegue manter os músculos fortes e flexíveis, o que pode lhe ajudar na hora do parto, pois ajuda a relaxar, aliviar tensões, diminuir os desconfortos que a gestação traz (dor nas costas, retenção líquida), além de ajudar o retorno do corpo no pós parto.

Porém, mesmo trazendo essa série de benefícios, há alguns casos em que a atividade física deve ser deixada de lado, preste atenção caso ocorra algum desses sintomas:

Tontura: Podem indicar uma anemia grave quando for constante ou acompanhada de perturbações na visão;

Sangramento vaginal: Há casos de gestantes que sangram durante toda gestação, porém é sempre um motivo para manter seu/sua médico (a) informado (a), pois podem indicar aborto espontâneo, trabalho de parto prematuro e até descolamento de placenta;

Visão embaçada: No meio do exercício pode ser sinal de desidratação, o que provoca uma queda na pressão arterial. Também pode estar ligado a pré-eclâmpsia, caracterizada por pressão alta, proteína na urina e retenção líquida;

Dor aguda no peito ou abdome: Pode ser que seja apenas dor muscular, porém pode indicar início de contrações;

Aumento do inchaço nas mãos, pés e tornozelos: Se o inchaço for maior do que o normal é um indicador da pré-eclâmpsia também, senão é normal inchar após o exercício físico.

Caso ocorra um desses sintomas você deve procurar seu obstetra imediatamente e , caso seja necessário, interromper a pratica de atividade física.

****************************************************************

paulaaPaula Paixão, Mãe do Davi, Educadora Física e Revendedora Anga Wrap Sling. Professora das aulas FIT Mamãe e Bebê. “…e quando você achar que já amou demais nessa vida, tenha filhos…” (Robert Frost)

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>