Como foi à escola hoje?

16832381_1891463591100318_1620825214240211045_n

 

Olá Mamães Toda Hora, todas bem?

Hoje é dia de especialista e a mãe e psicopedagoga Letícia Casonatto aborda uma questão extremamente importante e que confesso ter um pouco de dificuldade em ter um diálogo significativo com o Léo.

Acredito que essa coluna irá ajudar muitas mães, assim como está me ajudando. Desde sempre enfrento dificuldades com o Lé na escola. Tem dias que ele vai que é uma maravilha, outros que é um caos – o desespero toma conta e saio como coração partido.

Então mamães, boa leitura!

Bjs

*****************************************************************************************************************************************

As férias das crianças estão terminando, outras até já iniciaram seu ano letivo. E  logo, logo as crianças terão muitas novidades para contar de como foi o seu dia de aula Mas será mesmo? Muitas mães me dizem: “Meu filho não conta nada do que acontece na escola!” . Lá em casa não era diferente, quando eu perguntava para o Joaquim como tinha sido o seu dia na escola, a resposta era sempre a mesma: Foi bom! Essa resposta, para nós mães não nos basta, né? Comecei então a fazer perguntas mais específicas e trago hoje algumas ideias para partilhar com vocês!

Pergunte:

1) Qual foi a melhor coisa que aconteceu na escola hoje? (Qual foi a pior coisa que aconteceu na escola hoje?)

2) Me conte algo que fez você rir hoje.

3) Qual é o lugar mais legal da escola?

4) Diga-me uma palavra estranha que você ouviu hoje. (Ou algo estranho que alguém disse.)

5) Você ajudou alguém hoje? Como?

6) Alguém ajudou você hoje? Como?

7) Me conte uma coisa que você aprendeu hoje.

18) Em que momento você ficou mais feliz na escola? Em que momento você ficou triste?

Conte:

  • Conte como foi o seu dia para o seu filho, utilize uma linguagem clara e simples. Exercite com ele o momento de escuta.

Brinque:

Nem sempre esse diálogo basta para que os pais compreendam tudo que almejam! Crianças muito pequenas ás vezes não vão conseguir verbalizar o que aconteceu na escola. Então, uma alternativa é brincar! Isso mesmo, através da brincadeira a criança solta seu imaginário e traz seus sentimentos e pensamentos. Como bons observadores e, conhecendo a personalidade de seus filhos, os pais podem perceber peculiaridades valiosas.

 

Desenhe:

Outra forma de  saber como foi o dia de seu filho é através de um desenho! Se a criança estiver disposta a fazê-lo, há um material muito rico a ser analisado, tendo em vista que o ato de desenhar pode projetar questões de seu inconsciente. Mesmo que a criança ainda não consiga desenhar com formas definidas, através da sua fala e desenhos (garatujas) ela irá sinalizando o que aconteceu na escola.

Mas lembre-se : é necessário respeitar a criança , há crianças que falam mais, outras menos!

Um bom retorno a todos com muitas novidades!!!

*****************************************************************************************************************************************

Foto-Leti-217x300Letícia Casonatto é pedagoga, especialista em Psicopedagogia, Neuropsicopedagogia e Inclusão Escolar. Atuou como professora por 13 anos em escola particular e há 7 anos atua na Clínica Jeito de Ser. É mamãe do Joaquim de 5 anos. “Ser mãe é vivenciar diariamente tudo o que aprendemos um dia, mas acima de tudo ver que o sentimento e o coração é o que nos move em cada decisão.”

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>